Uma das áreas de destaque está no sul de Santa Catarina e é formada por oito municípios, são os Vales da Uva Goethe. Um local de excelências naturais e muita história, que reúne qualidades únicas que agraciam os vinhos locais.

Parreirais Uva Goethe – Foto Henry Goulart

Os Vales da Uva Goethe ficam entre o litoral sul catarinense, nas Bacias dos Rios Urussanga e Tubarão, e as encostas da Serra Geral. Uma região que concentra inúmeras qualidades que entregam uma identidade inconfundível aos vinhos Goethe.

Ao todo, os Vales da Uva Goethe reúnem os municípios de: Urussanga, Treze de Maio, Cocal do Sul, Orleans, Morro da Fumaça, Pedras Grandes, Nova Veneza e Içara. Todos têm sua história com a Uva Goethe, que começou em torno de 1893, com a vinda dos primeiros imigrantes italianos ao Brasil.

Fatti Storici

A história da produção vitivinícola na região de Urussanga se confunde com a história da imigração italiana no final do século XIX que trouxeram seu conhecimento no cultivo e produção vinífera com a Uva Goethe, proeminente espécie que já era popular em algumas regiões da Itália.

Com as primeiras colheitas teve início também a produção de vinho, que na época era desenvolvida por praticamente todas as famílias da colônia, cada uma com sua própria produção para seu consumo.

O que eles não sabiam era que a Uva Goethe se adaptaria tão bem ao solo, clima e altitude dos Vales, sendo amplamente difundida entre os colonos, tornando-se assim a uva mais típica.

O vinho elaborado a partir dela apresentava características peculiares que o diferenciavam dos outros vinhos ali produzidos, sendo o mais apreciado pela população e marcando fortemente sua história.

Indicação de Procedência

A União entre a tradição vitivinícola a região de Urussanga e a uva Goethe permitiu a produção de vinhos típicos com identidade própria. A trajetória secular dos vinhos Goethe entrou em uma nova fase a partir de 2005, com a fundação da Associação dos Produtores da Uva e do Vinho Goethe: ProGoethe.

Com o apoio de várias instituições, a ProGoethe conquistou no ano de 2011, a primeira Indicação de Procedência (IP) do estado de Santa Catarina.

O selo IP – Vales da Uva Goethe, concedido pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) confirma a autenticidade e tipicidade da região e prova de forma científica que os vinhos feitos com a Goethe são produzidos somente na região delimitada geograficamente dos Vales da Uva Goethe, é um vinho típico e único apresentando características enológicas, históricas e culturais que o diferenciam dos demais.

Por si só essa uva já era excelente, porém, na região ao sul de Santa Catarina, ela ganhou toques únicos.

Vinícolas participantes da Associação Progoethe: Vinhos Trevisol, Vinhos Quarezemin, Vinícola De Noni, Vigna Mazon e Casa  Del Nono

🔥316