Tenha em mente que existem muitos fatores envolvidos na pesca esportiva de truta! Essas dicas são um bom começo se você estiver interessado no esporte!

01 – Silêncio

O movimento do corpo é muito importante quando você mira em qualquer peixe. A truta pode ouvir e sentir muito mais do que a maioria das pessoas sabe. Mesmo pequenos sons e vibrações podem percorrer um longo caminho debaixo d’água. Os peixes podem sentir esses distúrbios facilmente e serão capazes de dizer se algo está errado. As trutas são tão sensíveis ao ruído e às vibrações quanto aos avisos visuais.

Esteja você na água ou, às vezes, andando ao longo da margem, a truta pode ouvir e sentir seus movimentos. Você precisará se mover devagar e silenciosamente, se quiser se aproximar delas.

02 – Tenha o equipamento pessoal certo

Ter bons óculos de sol pode realmente fazer uma grande diferença quando você está tentando olhar para a água. Às vezes, eles podem ajudá-lo a ver os contornos e movimentos dos peixes. Sem mencionar que você terá um momento muito mais agradável.

03 – Imite presas naturais

Se você consegue ver os insetos que vivem na água, os que estão sendo comidos e os que estão sendo deixados, pode ser um bom indicador de que tipo de truta você está lidando. Se você conseguir descobrir o que a truta está comendo, poderá descobrir o que deve usar como isca.

04 – Use seus pés

Usar os pés será realmente importante se você quiser pegar muita truta. Certifique-se de fazer isso silenciosamente! As pessoas que ficam no mesmo lugar e não aproveitam uma caminhada curta terão um dia muito menos produtivo. Pode parecer mais trabalhoso, mas o resultado será muito melhor. Quanto mais você mover seus pés em vez dos braços, melhor será.

05 – Busque água fria

Truta adora água fria. Se você quer saber para onde ir e onde pescar, isso ajudará.

Só porque os peixes adoram água fria, não significa que o seu corpo irá! Verifique se você tem o equipamento certo para não pegar frio o dia todo.

06 – Aprendendo boas maneiras

Se você é um pescador novo, provavelmente existem algumas regras de etiqueta e educação que você ainda não aprendeu. Não tem nenhum problema nisso, porque você está apenas começando! Se você entrar na área de pesca de outra pessoa, ambos terão um dia ruim de pesca.

Parte das boas maneiras é cobrir sua própria área e não se intrometer nas de outra pessoa. Permita que os outros se divirtam também! Ter boas maneiras ajudará você a pegar mais trutas.

07 – Pesque nas costuras

Quando você está pescando em riachos, pesque nas costuras. Esse é um bom lembrete. Uma costura é onde as águas rápidas e lentas se encontram e agem como um pequeno bolso. Este é o tipo de lugar onde a truta geralmente gosta de estar.

Muita comida vai passar por lá, então elas já estão atentas. Se você souber onde ir, facilitará seus dias na água.

08 – Pesque perto do banco

Se você está pescando em um lago, vai querer pescar no banco. Outro lembrete fácil. Procure áreas com boa vegetação e estrutura, como troncos e rochas. Essas áreas servem como fonte de alimento e proteção para a truta.

09 – Áreas sombreadas

Pesque em áreas sombreadas ou tente pescar logo após o sol se pôr. Áreas com pouca luz costumam ter muito sucesso. Quando você está usando a técnica de fly fishing, precisa agir como se fosse a fonte de alimento deles. Muitos insetos estão ativos durante o pôr do sol ou quando está ficando mais escuro. Se puder, tente pescar ao amanhecer e ao anoitecer.

10 – Insetos

Gafanhotos, besouros, grilos e outros insetos caem nas águas e no riacho. Se você sabe que eles estão lá, mas não vê nenhum ou muitos deles na água, é um bom sinal. Isso significa que as trutas estão por ali.

Se vir isso, convém usar iscas de bichos para imitar esses insetos. Isso fará com que você pareça ser apenas mais um deles, flutuando ao longo do fluxo. Os peixes estão acostumados a ver isso como um lanche fácil para eles, então aproveite isso.

Experimente algumas dessas dicas. Esperamos que pelo menos algumas delas sejam novas e que sejam úteis para suas pescarias!

🔥35