Queijaria Sítio Santo Antônio dá continuidade as tradições familiares e históricas de açorianos e portugueses produzindo o genuíno Queijo Artesanal Serrano

Durante a ocupação do Planalto Serrano Catarinense em 1760, açorianos e portugueses, na luta diária para a sobrevivência, aplicaram técnicas de sua terra natal ao produzir queijo. Assim nasce o Queijo Artesanal Serrano (QAS), um produto de subsistência e com qualidades únicas.

Quase três séculos se passaram, e hoje o QAS continua sendo produzido já pela 13ª geração de descendentes daqueles açorianos e portugueses pioneiros, preservando o saber fazer aprendido e passado de geração em geração.

Localizado na encosta da Serra da Barraca, em uma área de Mata Atlântica preservada na localidade de Barreiro, município de Bom Retiro, SC, o Sítio Santo Antônio dá continuidade às tradições familiares e históricas de açorianos e portugueses produzindo o genuíno QAS da Serra Catarinense.

De propriedade do casal Air de Agostinho Zanelato e Jacinta Maura Coelho Zanelato, o Sítio Santo Antônio produz o QAS Tropeiro que consiste na cura do queijo acima de 60 dias: é produzido a partir do leite cru de gado de corte e pastagem natural.

Por se tratar de um produto para consumo humano a partir do leite cru, o QAS produzido no Sítio Santo Antônio, além de respeitar a legislação vigente e as práticas histórico-culturais do Planalto Serrano Catarinense, possui certificação concedida pela CIDASC como uma propriedade livre de brucelose e tuberculose. Adicionalmente, realiza a cada mês coletas de leite para avaliação e certificação através de exames laboratoriais.


Conciliando alta qualidade, com o melhor que a natureza tem a oferecer a partir do saber fazer secular da Serra Catarinense, QAS produzido no Sítio Santo Antônio é abençoado.

🔥261